sexta-feira, 3 de agosto de 2018

OFÍCIO nº 339/2018 - PARA A PRESIDENTE DO IEPHA



Ilma. Sra.
MICHELE ABREU ARROYO
IEPHA - Instituto Estadual do Patrimônio Histórico e Artístico
Rua dos Aimorés, 1697 – 1º Andar – Lourdes
Belo Horizonte/MG - CEP 30.140-072
_____________________________________

Ofício / Gabinete do Presidente / nº 339/2018
Data: 02/08/2018
Assunto: Presta informações e solicita providências

Ilustríssima Senhora Presidente,

Chegou ao conhecimento deste subscritor, ora Presidente da Câmara Municipal de Caxambu, a informação de que o gêiser “Floriano de Lemos” do Parque das Águas de Caxambu “Dr. Lysandro Carneiro Guimarães” está fechado para uso dos banhistas, pelo motivo informado de que tal situação se deve porque sua fundação está cedendo (afundando).

Registra-se que o local é um atrativo turístico e medicinal que recebe a visita diária de banhistas de diversas partes do país, que vêm para apreciar o espetáculo daquelas águas, sendo considerado o único gêiser do Brasil.

Assim sendo, não podemos nos calar assistindo aquela preciosidade se arruinar e levar consigo todo o patrimônio natural, científico e histórico que nos foi legado pela natureza, sem que façamos o necessário para cessar aquela devastação iminente.

O Conjunto Paisagístico e Arquitetônico do Parque das Águas de Caxambu foi tombado pelo Estado de Minas Gerais por Decreto do executivo n.° 40.288, datado de 01 de março de 1999. Foi determinada sua inscrição no Livro de Tombo n.° I, do tombo Arqueológico, Etnográfico e Paisagístico; no Livro de Tombo de n.° II, do tombo de Belas Artes; no Livro de Tombo n.° III, do tombo de Histórico, das obras de Arte Históricas e dos Documentos Paleográficos ou Bibliográficos; e no Livro de Tombo n.° IV, do tombo das Artes Aplicadas.

Assim sendo, acreditamos que a missão precípua do Instituto Estadual de Patrimônio Histórico e Artístico – IEPHA, contígua à missão de proteção e vigilância do acervo de bens culturais de Minas Gerais, seja assegurar sua permanência e usufruto para as gerações presentes e futuras, intervindo na fiscalização do acervo patrimonial do Parque das Águas de Caxambu, razão esta que vimos informar e solicitar de sua Presidência as devidas providências que julgamos urgentes e necessárias em prol da restauração e reabertura do gêiser Floriano de Lemos naquele local.

Certos de vossa consideração e presteza, nos despedimos com protestos de estima e distinta consideração.

Atenciosamente,

Presidente

Postagens Recentes

ACOMPANHE AO VIVO AS TRANSMISSÕES DAS REUNIÕES DA CÂMARA MUNICIPAL DE CAXAMBUI

Acompanhe as transmissões ao vivo das reuniões da Câmara Municipal de Caxambu. Reuniões Ordinárias:  Toda Segunda-Feira às 18 ho...